Buscar
  • Diego Vinicius Anjos

Formigas usam fezes de insetos como pistas para escolher onde farão seus ninhos


Por Diego V. Anjos

Cientistas brasileiros, da Universidade Federal de Uberlândia, têm descoberto que uma espécie de formigas arborícola, Cephalotes pusillus (Klug, 1824), pode usar fezes de insetos para escolher os locais onde farão seus ninhos. O trabalho foi realizado recentemente na reserva do Clube Caça e Pesca Itororó de Uberlândia-MG. Esta espécie de formiga normalmente utiliza pequenos buracos nos troncos de arvóres, como pés de pequi (Caryocar brasiliensis), para fazer seus ninhos. Estes buracos são feitos por insetos brocadores como besouros e lagartas. Ao perceberem que estes insetos brocadores deixavam uma mistura de fezes com madeira próxima ao buracos nos troncos, os autores decidiram testar se esta “mistura” poderia atrair as formigas e infleuncia-las na hora de estabelecerem novos ninhos. A partir daí, os cientistas coletaram dezenas de ninhos destas formigas e os mantiveram em laboratório, sob condições controladas. Para estes ninhos foram ofertados locais para estabelecimento de novos ninhos com: serragem natural ou com a mistura (fezes de insetos com madeira). Os resultados mostraram que as formigas preferiram fundar novos ninhos em locais com a mistura de fezes e madeira. Os autores sugeram que as formigas podem perceber e serem atráidas por compostos químicos desta mistura. Este estudo é importante por demonstrar que a escolha dos locais para fundação de um novo ninho pelas formigas não é aleatória. As formigas podem ser guiados por fezes de outros insetos, mostrando como os animais dependem uns dos outros e na natureza nada se perde! O estudo liderado pelo prof. Dr. Kleber Del-Claro será publicado em breve no Journal of Ethology.


Del-Claro, K, Anjos, DV& Torezan-Silingardi, HM (2021). Ant nesting site selection mediated by insects frass. Journal of Ethology.

79 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo