Buscar
  • Kleber Del Claro

Cientistas Brasileiros mostram como o coronavírus se espalha pelo Brasil.



Um grupo multidisciplinar de pesquisadores brasileiros composto por virologistas, geneticistas, microbiologistas, físicos, ecólogos e matemáticos radicados no país e também no exterior se juntou para estudar o avanço da doença no Brasil nos próximos meses.


Nesse estudo, os autores criaram um novo modelo matemático mostrando como o COVID-19 se espalha para cidades brasileiras por meio de seus aeroportos internacionais e depois para cidades com menor comunicação internacional, por meio da rede nacional de aeroportos brasileiros.


Nesse estudo, os voos de países estrangeiros que certamente importaram o SARS-CoV-2 até agora (Itália e Espanha) representam uma probabilidade de invasão externa de infecção para cada cidade.


Os autores mostraram que a malha aérea brasileira permite uma rápida disseminação do COVID-19 no território, onde as cidades mais conectadas por voos domésticos serão infectadas de forma rápida e ao mesmo tempo.

Após 90 dias da chegada da doença ao país, todas das cidades estarão vulneráveis em algum nível a doença. Esse rápido avanço em um curto espaço de tempo poderia colapsar os serviços de saúde, mesmo naquelas cidades com melhor infraestrutura de saúde.


Um ponto importante que os autores encontraram é que a cidade de Manaus (ao norte do Brasil) é um grande centro regional na malha aérea brasileira e com grande capacidade de de espalhar o COVID-19 pelas regiões mais remotas da região Amazônica, expondo, rapidamente as populações indígenas a essa nova doença. Nesse estudo, os autores mostraram que a rápida disseminação da doença no país ocorrerá entre os dias 65 e 80 após a chegada da doença (o que seria aproximadamente entre os dias 1 de maio e 15 de maio).


Entretanto, existirá dois grandes momentos no aumento diário da doença, o primeiro após 50 dias (~16 de abril) e o segundo após 90 dias (~26 de maio).


O estudo “Severe airport sanitarian control could slow down the spreading of COVID-19 pandemics in Brazil”. está gratuitamente disponível como Preprint no medRxiv https://doi.org/10.1101/2020.03.26.20044370

Severe airport sanitarian control could slow down the spreading of COVID-19 pandemics in Brazil

View ORCID ProfileServio Pontes Ribeiro, Wesley Dattilo, View ORCID ProfileAlcides Castro e Silva, View ORCID ProfileAlexandre Barbosa Reis, View ORCID ProfileAristoteles Goes-Neto, View ORCID ProfileLuiz Alcantara, View ORCID ProfileMarta Giovanetti, View ORCID ProfileGeraldo Wilson Fernandes, Vasco Ariston Azevedo, Wendel Coura-vital

doi: https://doi.org/10.1101/2020.03.26.20044370This article is a preprint and has not been certified by peer review [what does this mean?]. It reports new medical research that has yet to be evaluated and so should not be used to guide clinical practice.

943 visualizações
SOBRE NÓS

A Comunidade dos

Cientístas Livre Pensadores

Trabalhando pela divulgação e popularização da Ciência!

LOCALIZAÇÃO

(34) 

38411-212

cienciaqnf@gmail.com

CONECTE-SE
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Google+ Icon
  • Grey Instagram Icon

© Kleber Del Claro & Co. Orgulhosamente criado com Wix.com