Buscar
  • Kleber Del Claro

A Páscoa e a Ciência, em tempos de coronavírus.





A Páscoa e a Ciência, em tempos de coronavírus.
                                                                                               por Kleber Del Claro
 
Para muitos Cristãos a data de hoje é mais importante que o próprio natal de Cristo. A Páscoa simboliza o renascimento, a ressurreição de tudo aquilo que temos de melhor dentro de nós. É na Páscoa cristã que entendemos o verdadeiro significado do doar-se pelo próximo. Pois Jesus, o Cristo, se sacrificou pela humanidade para depois nos apresentar à grande revelação da Páscoa. É se doando que você renasce, e esse renascimento será com o Cristo, na vida eterna.
Mas, para a maioria das pessoas ditas cristãs, a Páscoa, é no máximo ir numa missa, depois ter um grande e farto almoço, regado a chocolates e ovos de chocolate, que substituíram o simbolismo do ovo, o renascimento. Passado esse domingo milagroso, as pessoas todas retornam ao seu costumeiro egoísmo e salve-se quem puder. 

Pois é aí que entra o Cientista nesta Páscoa em tempos de coronavírus. 
Muitos de nós cientistas são ateus, ou quando muito agnósticos, como São Tomé, que só acreditava vendo. Isso mesmo, São Tomé deve ter sido um dos primeiro a buscar evidências empíricas, científicas, se viu, comprovou, acreditou. O interessante nessa história de cientista é que mesmo sendo ateu, talvez ele seja um dos melhores exemplos de cristandade, pura, um exemplo de Cristão Raiz. Por que?

Porque apesar de ser menosprezado a maior parte do tempo, de ter sua caricatura na imprensa em geral como um ser estranho, meio maluco, para o qual devemos dar pouca importância; essa pandemia do coronavírus já mostrou que ele sempre esteve ali, doando-se por você, por nós. 

Sim, a enorme maioria dos cientistas leva uma vida de doação. Estudam muito, todos os dias, não existe diferença entre dia e noite, final de semana, feriado. Quando um experimento científico está em andamento, nada disso importa. Pois se trabalhamos com um organismo vivo, por exemplo, um vírus, uma bactéria, uma planta ou um macaco, ele não segue, obviamente, as regras do convívio social humano. O cientista passa a maior parte da vida sem um salário digno e à altura do conhecimento e responsabilidade. Muitas vezes esse salário é uma bolsa de dois a três mil reais, sem férias, décimo terceiro, ou qualquer outra garantia. Acha exagero meu? Nem queira saber quantos rapazes e moças fazem o descrito acima, por anos a fio, estudando e manipulando diariamente agentes infecciosos muitas vezes mais nocivos que esse coronavírus. Acha que todos nós já nascemos sabendo tudo e ganhando como um doutor contratado? Não, foram de 20 a 25 anos de dedicação aos estudos e à ciência para a maioria de nós, até ser aprovado em um concurso público. Cientista não ganha emprego, não participa de “rachadinha”. Assim, mesmo ateus a maioria dos cientistas é muito cristã, em suas ações!

Cristo foi menosprezado, ridicularizado, perseguido pelo governo, não teve o devido reconhecimento em vida, mas estava ali, por você. Não é isso que prega o Cristianismo? Doar-se e renascer na Páscoa para a vida eterna, por ter se dedicado ao próximo?

Assim, essa Páscoa é a da Revelação da Ciência, da revelação do papel do cientista para a sociedade. Ela mostra o quão flexíveis, resilientes, persistentes, verdadeiros, dedicados, voltados ao encontro de soluções para o bem da humanidade, do próximo, são a maioria dos cientistas. A maioria desses moços e moças, velhos e velhas, ameaçados pelo vírus do século, não desistem perante as adversidades, a falta de apoio dos governos, a falta do seu apoio. Quantas vezes a sociedade brasileira negou a ciência? Garanto que muito mais vezes do que Pedro negou Jesus. 

Assim sendo, espero que essa Páscoa seja a da ressurreição não apenas das famílias, que impostas a uma clausura, estão tendo que aprender novamente a conviver, como núcleo básico da sociedade humana. Mas que seja a ressurreição da Ciência no mundo e no Brasil. 

Pois não é sobre “ter” que esse vírus está nos ensinando, mas é sobre “ser”, e de saber que em algum lugar, um Cientista zela por ti! 


131 visualizações
SOBRE NÓS

A Comunidade dos

Cientístas Livre Pensadores

Trabalhando pela divulgação e popularização da Ciência!

LOCALIZAÇÃO

(34) 

38411-212

cienciaqnf@gmail.com

CONECTE-SE
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Google+ Icon
  • Grey Instagram Icon

© Kleber Del Claro & Co. Orgulhosamente criado com Wix.com