Buscar
  • Kleber Del Claro

Professor da UEMG/Unidade Passos (ex-aluno UFU) em pesquisa interinstitucional com Unemat/ Tangará d


Apaixonado por Ecologia e em especial interações ecológicas animal-planta como polinização por besouros, Prof. Dr. Hipólito F. Paulino-Neto, ex-aluno do curso de graduação em Ciências Biológicas da UFU, que recentemente finalizou seu Pós-Doutorado no Programa de Pós-Graduação em Entomologia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras na USP/Ribeirão Preto, e atualmente docente do Curso de Biologia da Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG/Unidade Passos iniciou brilhantemente o ano de 2017 ao publicar em fevereiro um lindo artigo sobre polinização por besouros em Annona coriacea (Annonaceae) numa das melhores revistas científicas do mundo, a Plos One!!!

Coordenador do grupo de pesquisa LEPEC, na UEMG/Unidade Passos, o Prof. Hipólito atualmente orienta nove alunos IC, cinco destes com bolsas Fapemig e também institucionais como PAPq e PAEx! O grupo LEPEC tem trabalhado arduamente em Passos-MG desenvolvendo pesquisa de ponta sobre temas relacionados com polinização e também estudos extensionistas focados na arborização da cidade com espécies nativas.

O paper intitulado e que deve ser citado na forma abaixo,

Costa MS, Silva RJ, Paulino-Neto HF, Pereira MJB (2017) Beetle pollination and flowering rhythm of Annona coriacea Mart. (Annonaceae) in Brazilian cerrado: Behavioral features of its principal pollinators. PLoS ONE 12(2): e0171092. https://doi.org/10.1371/journal.pone.0171092”

apresenta dados de biologia floral de Annona coriacea (Annonaceae) e o horário de visita de seus visitantes florais e efetivos polinizadores, seu comportamento na flor e local de oviposição. Estudo demonstra que espécies de coleópteros do gênero Cyclocephala são os principais e mais assíduos polinizadores. Em adição, este é um dos raros estudos que conseguiram determinar comportamento de oviposição de Cyclocephala, dados anteriormente desconhecidos para este sistema de estudo. Pesquisadores verificaram que após deixarem as flores, fêmeas escavaram e penetraram o solo para ovipositar. As larvas destes polinizadores foram encontradas entre a serrapilheira e as primeiras camadas do solo, alimentando-se de material em decomposição abaixo da copa do araticunzeiro. Cyclocephala foi considerado o principal polinizador de A. coriacea no cerrado matogrossense, sendo fundamental para a reprodução de A. coriacea. Outro escarabeídeo, o Arriguttia brevissima, também foi considerado polinizador sendo a primeira observação de espécies deste gênero em flores de Annonaceae. Annona coriacea foi considerada uma espécie autocompatível e na área apresentou baixa eficácia reprodutiva. E futuros estudos são necessários para investigar se esta baixa eficácia reprodutiva é consequência de elevado número de autopolinizações geitonogâmicas e/ou ocorrência de limitação polínica.

O estudo é parte do mestrado de Marilza Silva Costa desenvolvido na Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Campus Tangará da Serra, MT, sob orientação da Profa. Dra. Mônica Josene Barbosa Pereira. Marilza Costa, atualmente é recém doutora pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). O estudo teve efetiva colaboração de Ricardo José Silva (também da Unemat) e do Prof. Dr. Hipólito Ferreira Paulino-Neto, que é reconhecidamente um dos maiores especialistas no Brasil em estudos envolvendo polinização, especialmente em sistemas ecológicos envolvendo polinização por besouros em espécies de anonáceas.

Abaixo o resumo em inglês e o link de acesso ao paper, Open Source!

Abstract

The conservation and sustainable management of Annona coriacea requires knowledge of its floral and reproductive biology, and of its main pollinators and their life cycles. In this work, we analyzed these aspects in detail. Floral biology was assessed by observing flowers from the beginning of anthesis to senescence. The visiting hours and behavior of floral visitors in the floral chamber were recorded, as were the sites of oviposition. Excavations were undertaken around specimens of A. coriacea to determine the location of immature pollinators. Anthesis was nocturnal, starting at sunset, and lasted for 52±56 h. The flowers were bisexual, protogynous and emitted a strong scent similar to the plant’s own ripe fruit. There was pronounced synchrony among all floral events (the period and duration of stigmatic receptivity, release of odor, pollen release and drooping flowers) in different individuals, but no synchrony in the same individuals. All of the flowers monitored were visited by beetle species of the genera Cyclocephala and Arriguttia. Beetles arrived at the flowers with their bodies covered in pollen and these pollen grains were transferred to the stigmata while foraging on nutritious tissues at the base of the petals. With dehiscence of the stamens and retention within the floral chamber, the bodies of the floral visitors were again covered with pollen which they carried to newly opened flowers, thus promoting the cycle of pollination. After leaving the flowers, female beetles often excavated holes in the soil to lay eggs. Larvae were found between the leaf litter and the first layer of soil under specimens of A. coriacea. Cyclocephala beetles were the main pollinators of A. coriacea, but Arriguttia brevissima was also considered a pollinator and is the first species of this genus to be observed in Annonaceae flowers. Annona coriacea was found to be self-compatible with a low reproductive efficiency in the area studied. The results of this investigation provide ecological data that should contribute to the conservation and economic exploitation of A. coriacea.

http://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0171092

Parabéns de A Ciência que nós fazemos!


184 visualizações
SOBRE NÓS

A Comunidade dos

Cientístas Livre Pensadores

Trabalhando pela divulgação e popularização da Ciência!

LOCALIZAÇÃO

(34) 

38411-212

cienciaqnf@gmail.com

CONECTE-SE
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Google+ Icon
  • Grey Instagram Icon

© Kleber Del Claro & Co. Orgulhosamente criado com Wix.com